22. Dia Mundial do Pé-de-Meia

Hoje, 31 de Outubro é o Dia Mundial da Poupança, ou seja, dia Mundial do Poupador! Parabéns para você que faz parte do seleto clube de pessoas que são agentes econômicos superavitários. Traduzindo: comemore se você já está fazendo o seu "pé-de-meia"!
Hoje, 31 de Outubro é o Dia Mundial da Poupança, ou seja, dia Mundial do Poupador! Parabéns para você que faz parte do seleto clube de pessoas que são agentes econômicos superavitários. Traduzindo: comemore se você já está fazendo o seu "pé-de-meia"! 

Para nós poupadores hoje é uma data cheia de significados. Ela tem a função de nos  lembrar sobre acontecimentos da economia ocorridos no passado e sobre a importância de possuírmos alguma poupança para o futuro. É um momento também para recordarmos a alegria que é ver o dinheiro poupado render juros pela primeira vez e também para pensarmos sobre as metas e objetivos de poupança que buscamos para o futuro. É um momento também para pensar sobre o ato de poupar, que em nossa perspectiva resume-se em um ato de generosidade com as futuras gerações.

Também para trazer à memória a história dessa data, que foi lançada na Itália, durante o Congresso Mundial de Economia, que aconteceu em 1925. A origem do nome foi atribuída ao Instituto Mundial de Bancos de Poupança (fonte) . Sendo um dos motivos que podem ter levado à criação dessa data comemorativa: o despertar da consciência poupadora em mais pessoas. Essa também é a razão de existir do blog www.SouPoupador.com.br.

Ela serve também para lembrar o quanto é desejável reservar uma parte do orçamento mensal para poupar. Isso ajuda na realização dos sonhos das pessoas e pode ser uma salvação para momentos de emergência financeira. Sem falar nos momentos de crise, pois ninguém está livre de passar por dificuldades financeiras, por isso, precisamos sempre estar preparados. Além disso, ela pode despertar muita gente para uma mudança de consciência que vai da cultura do desperdício à de poupança.

Geralmente os Poupadores sabem da importância de levar uma vida economicamente equilibrada. E vivendo desse modo, eles têm a possibilidade de sentir maior segurança para ir realizando os sonhos que sem uma poupança seriam muito mais difíceis de serem realizados.

Se você ainda não for um Poupador, tudo bem,  qualquer dia é dia de poupar, por isso é só começar. Navegando aqui no Sou Poupador, você encontrará vários artigos que são ideias para melhorar sua capacidade de poupança e, consequentemente, de investimento para o curto, médio e longo prazo. Também existe a possibilidade de ler algum livro a respeito, como por exemplo:

Para encerrar, aqui vai reflexão atribuída ao filósofo Sêneca:
Se vives de acordo com as leis da natureza, nunca serás pobre; se vives de acordo com as opiniões alheias, nunca serás rico.
Mais uma vez, parabéns pelo dia mundial de quem se importa em fazer um pé-de-meia! Se estiver com alguma dúvida sobre começar a poupar, lembre-se que previnir é melhor do que remediar, assim como administrar dinheiro é fácil. Difícil é administrar a falta dele. Por isso, poupe, pouco ou muito. Mas poupe sempre. 

Comentários

  1. Essa data reforça a importância de fazermos uma reflexão sobre a melhor forma de consumir moderadamente e termos nossas reservas para projetos especiais ou situações de emergência. Vivemos um tempo de intenso consumo, evitar o desperdício é fundamental!

    ResponderExcluir
  2. Isso mesmo Gaúcha, anualmente no dia 31 de outubro comemora-se o Dia Mundial da Poupança, mas para quem está economizando é importante lembrar dela todos os dias. Evitarmos desperdícios é uma das principais maneiras de vivermos uma vida financeiramente mais plena e equilibrada. Recentemente acredito que consegui evitar um "desperdício", meu computador pessoal do nada parou de funcionar. Essa era a desculpa perfeita para ir correndo comprar um novinho, o meu não é o da "maçã", mas confesso que sinto uma atração pelos produtos dela, certamente por conta da qualidade e efeitos das ações de marketing para dar a impressão de que vale a pena investir o dobro em determinados produtos. Faz tempo que venho ensaiando para comprar um notebook da "maçã", mas tenho resistido. Fazer isso realmente traria um custo bem maior em relação a tentar o conserto do meu atual. Resultado, fui até uma assistência técnica e o conserto da placa mãe custou R$370,00. Fiquei feliz pois, comprar um notebook novo, nos moldes da "maçã" custaria bem mais. Ou seja, evitei um enorme desperdício consertando o atual notebook, que por sinal me atende muito bem obrigado. Mesmo que não fosse comprar um da dela, comprar um novo com as mesmas especificações custaria bem mais caro. Dessa maneira, além de evitar um enorme desperdício, também conseguimos manter a poupança praticamente intacta.

    Outro dia desses estava com uma pessoa querida e conversando sobre consumo ela contou que olhando os tantos produtos aí, viu alguma coisa que lhe chamou atenção. Ela olhou para o lado e comentou com quem estava acompanhando-a, em um tom de descontração e cômico soltou: "Eu nem sabia que eu precisava disso!". Essa conversa serviu para mais uma vez lembrar que se pararmos para pensar, não precisamos de muitas coisas para viver. Mas nos é introjetado de que precisamos disso ou daquilo para viver. A reflexão que fica é: Será mesmo? Ou será que "querem" que a gente pense exatamente o contrário?

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas

Marcadores

Mostrar mais

BlogRoll (Contate para parcerias)

Criative Commons

Todos os usuários da plataforma Sou Poupador concordam tacitamente com os termos da licença Criative Commons nos seguintes termos: CC BY-ND (Creative Commons LicenseAtribuição-SemDerivações). Você tem o direito de redistribuir nosso conteúdo de forma comercial e não comercial, desde que o trabalho seja distribuído inalterado e no seu todo, com crédito atribuído ao autor.