9. Como gastar menos? Veja nossas estratégias e características dos vencedores em termos financeiros

Olá Poupa'Dores! Agora que vocês já conhecem a Planilha do Sou Poupador para organizar melhor o seu precioso dinheiro e conseguiu visualizar para qual rumo está indo a sua vida financeira, fica mais fácil definir suas ações. Se você percebeu que está gastando mais do que tem, dependendo no que estiver indo sua grana, pode ser que seja necessário um ligeiro esforço para contornar essa situação e sanear as suas contas para que tudo fique em dia. Mas, se você percebeu que está com grana sobrando, parabéns, pode se considerar privilegiado e já pode ir formando ou aumentando a reserva de emergência para os imprevistos, melhorando e estudando mais sobre investimentos, ou dependendo, se estiver satisfeito com a reserva que tem, já pode até se aposentar, quem sabe em?! 

Conforme vimos no encontro do poupador com o gastador, existem ao menos duas estratégias para quem quer aumentar os níveis de poupança. A primeira é melhorar os seus níveis de renda. A segunda é segurar a onda. Em nosso entendimento, a conciliação dessas duas estratégias pode garantir um caminho seguro rumo ao sucesso financeiro. Por falar nisso, o que significa sucesso financeiro para você, pode ter significados bem diferentes para outras pessoas. Independente disso, imaginamos que qualquer pessoa que estiver precisando gastar menos pode se valer de algumas destas estratégias:

Estratégia Nº 1: Leve na carteira somente a quantia que pode gastar, isso vai ajudar você a evitar que gastos desnecessários e por impulso aconteçam repentinamente sem você se dar por conta;
Estratégia Nº 2: Pague sempre em dia as suas contas, isso vai lhe poupar juros, encargos e dores de cabeça;
Estratégia Nº 3: Faça o que for necessário e honesto para ganhar o seu próprio dinheiro; faça de tudo para não depender financeiramente de ninguém, mesmo que seja confortável para você essa posição;
Estratégia Nº 4: Se você achar um produto maravilhoso, perfeito para você, mesmo que você queira sair da loja com ele, engane o seu cérebro dizendo para si mesmo: "amanhã eu volto para buscar", se o produto for mesmo necessário, você vai ao menos ter  tempo para refletir se está em condições de comprar. Outra estratégia para evitar consumos desenfreados de itens que não são essenciais e venham a atrapalhar as metas financeiras é dizer para si: "Essa roupa (ou seja lá o que for) é muito feia!". A pior coisa é comprar o que é desnecessário sem ter de onde tirar dinheiro para pagar.
Estratégia Nº 5: Faça o logout em sites e aplicativos de compra. Evite salvar os dados que permitem comprar com um click. Isso vai te poupar uns bons trocados, não é mesmo?
Estratégia Nº 6: Converse com a sua família sobre como andam as finanças de todo o grupo e definam estratégias para melhorar a vida financeira de todos. Isso vai evitar que alguém desavisado sobre a situação financeira da família realize gastos desnecessários.
Estratégia Nº 7: Faça compras quando estiver alimentado.
Estratégia Nº 8: Compre produtos com qualidade, mesmo que custem um pouco mais.
Estratégia Nº 9: Essa é para você dizer para nós nos comentários. Qual a sua dica?
Estratégia Nº 10: Pague só por aquilo que você precisa realmente. Evitar desperdícios vai te poupar um bom dinheiro. 
Estratégia Nº 11: Planeje suas aquisições, suas viagens e investimentos com antecedência. Busque ser capaz de planejar no curto, médio e longo prazo.
Estratégia Nº 12: continue sempre lendo sobre finanças. Estudar sobre esse fantástico mundo é muito importante pelo fato de que isso evitará que você entre em várias situações que podem ser evitadas com um pouco de leitura. Por falar nisso, que tal uma sugestão de livro para você?!

Dica de leitura: Um dos livros que gostei muito e ajudou bastante no despertar da consciência para a vida financeira chama-se: "Os segredos da mente milionária: Aprenda a enriquecer mudando seus conceitos sobre o dinheiro e adotando os hábitos das pessoas bem-sucedidas, 2. ed." escrito por T. Harv  Eker. Para ilustrar melhor, veja a capa dele:
Você também encontra ele na versão impressa em diversas livrarias. O preço é super acessível e sinceramente pode ser considerado uma leitura chave para qualquer ser que deseje aprender mais sobre finanças. Aqui vai o link que leva direto para o livro que oferece amostra grátis na Google Play Store Books: 
https://play.google.com/store/books/details id=FeQixp6F26MC

Nesse passo, aqui vai um macete para comprar com desconto que descobrimos recentemente. Quem você julga que em um comércio sabe informar sobre descontos especiais? Os vendedores? O gerente?! Pois imaginávamos isso também, mas recentemente, obtivemos um desconto maravilhoso desvendado por uma pessoa que trabalha no caixa da loja. Se ela não dissesse nada, o custo do produto seria bem mais alto, mas como perguntamos para o caixa se existia alguma forma de conseguir desconto extra, a pessoa prontamente revelou o caminho necessário para um big desconto. Portanto, se você quer descobrir descontos, pergunte para a turma dos caixas. Geralmente eles estão por dentro dos possíveis descontos e os melhores períodos de ofertas e promoções. O curioso é que essa dica tem funcionado e ainda não tinha visto ninguém escrever ou comentar sobre ela. E, moral da história, se ao chegar no caixa tivéssemos só pago a conta sem perguntar sobre essa possibilidade, não teríamos descoberto. Logo, sempre pergunte sobre a possibilidade de conseguir desconto extra. Se testares essa dica pode nos contar como foi! Vamos gostar muito de receber o seu feedback!

Seguimos! Acompanhando ao longo do tempo notícias e informações sobre a vida financeira de algumas pessoas, a maioria distante fisicamente de nós, percebemos que tanto os endividados como a parte financeiramente bem sucedida, têm características que diferenciam o grupo bem sucedido financeiramente daqueles que vão ao status de insolvência. Vamos listar algumas características  que percebemos e queremos saber se você concorda:

Perdedores em termos financeiros:

1. Gastam mais do que têm: o famoso passo maior que a perna.
2. Pagam muitos juros, compram coisas desnecessárias o tempo todo. São impulsivos e imediatistas. 
3. Vivem de sonhos: ganhar na loteria, encontrar um pote de ouro.
4. Não têm e nem se preocupam em ter uma reserva de emergência: se alguma coisa sair fora do previsto, precisam de ajuda.
5. Valorizam aparências. Têm visão de curto prazo.

Vencedores em termos financeiros: 

1. Não gostam de gastar em supérfluos: compram moderadamente objetos que lhes agreguem conhecimento; qualidade; valor; estilo; durabilidade; exclusividade; e não gastam só pelo fato de outra pessoa já possuir.
2. Conseguem viver com simplicidade;
3. Controlam os impulsos consumistas ao máximo, por mais que tenham todo o dinheiro necessário, refletem: será que eu preciso disso? Esperam vários dias para tomar a decisões; 
4. Têm atitude, um plano, objetivos e metas; Conseguem ter visão de longo prazo;
5. Valorizam o interior e não o exterior das pessoas. 

Agora que conhecemos algumas das características, dos dois lados, fica mais fácil para incorporarmos em nossos comportamentos características do lado o qual optarmos por viver. É tudo uma questão de escolha. Simples assim.

Por fim, se você já optou por segurar a onda e agora precisa aumentar a renda, fique sabendo que é possível fazer isso vendendo produtos on-line. Se você estiver precisando ganhar um extra, poderá ser útil conhecer a Monetizze e conciliar com as suas  estratégias.

Agora, conta pra gente, você concorda com as características apresentadas? O que você tem para acrescentar? É isso mesmo? Como você faz para gastar menos e ganhar descontos? Você sabe algum segredo que possa revelar?! A propósito, o que achou da dica de leitura?! 

Até a próxima amigos(as) Super Poupa'Dores(as)! TMJ!

Comentários

  1. Muito boas as dicas. A estratégia número 5 é essencial para quem faz compras on-line: comprar com um click pode te levar a fazer compras sem pensar. Em relação ao desconto solicitado, sempre tento ganhar desconto. Geralmente dá certo, principalmente em produtos de maior valor. Se vc pedir, ganha. Se não pedir, não vão te oferecer.

    Abraços!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Estimado Poupador! Que bom que faz sentido essas dicas para você e que algumas delas já estão em prática. Fazer compras sem pensar é uma prática mais comum do que imaginamos. As estratégias de vendas e disposição de produtos levam um bom número de pessoas ao consumismo, que é algo diferente de consumir. Consumismo é o comportamento de adquirir produtos que são desnecessários e ou em quantidade excessiva. Já comportamento de consumo é o considerado normal. É fazer compras de acordo com nossas reais necessidades. Acontece que muitos de nós somos induzidos ao consumismo de forma tão sutil, que nem percebemos, já que são diversas as maneiras de persuasão utilizadas como estímulo, inclusive os descontos. Recentemente conversei com uma pessoa que contou que faz compras por impulso. A pessoa entra em uma loja de sapatos por exemplo, e não consegue sair da loja sem dez pares, quando na verdade queria comprar apenas um par. O que percebemos é que essas mesmas pessoas estão começando a fazer compras nos aplicativos e não é nenhuma surpresa que elas estejam consumindo ainda mais, o que para o comércio é muito bom, os lucros aumentam. Todavia, o problema começa quando pessoas que não têm dinheiro suficiente para o consumo começam a ter dificuldades para pagar as contas devido ao consumo além do que tinham para gastar, pois isso acaba encarecendo o crédito para outras pessoas devido aos riscos de não pagamento. Por isso, quando alguém precisa economizar para pagar em dia as contas, ou para ter uma reserva de emergência, vale seguir essas estratégias para ao menos gastar menos do que ganha. Certinho? Obrigado por sua participação.

      Excluir
    2. Excelentes as estratégias de como gastar menos. São simples de seguir e auxiliam bastante em fazer sobrar aquele dinheiro a mais na conta corrente! As dicas do Monetizze e do livro Segredos da Mente Milionária também foram show! Os comentários feitos trouxeram ideias bacanas. A respeito dos descontos, é fundamental adquirir o hábito de sempre pedi-los. Mas, é importante ficar atento quando os descontos já nos são oferecidos e conferir se são REALMENTE descontos de fato ou se é só a palavrinha "desconto" utilizada como isca para a pessoa comprar achando que está tendo uma vantagem. É preciso também estar atento quanto aos itens em promoção. Pois, de promoção em promoção, a pessoa pode gastar bem mais do que o estipulado. Já se é um item realmente necessário e está de fato em promoção, o negócio é aproveitar feliz da vida pela oportunidade! Parabéns pelas postagens!

      Excluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas

Marcadores

Mostrar mais

BlogRoll (Contate para parcerias)